Manifestações em todo país rechaçam a mudança nas regras das aposentadorias

Todos os estados do país e o Distrito Federal organizaram manifestações do Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência, na última sexta-feira (22), em resposta à proposta de “reforma” apresentada pelo governo. Ao todo, atos, panfletagens e outras ações contra a retirada de direitos devem ocorreram em pelo menos em 78 cidades brasileiras. Diversas federações e sindicatos filiados à COBRAPOL, assim como dirigentes da Confederação, participaram de vários desses atos.

Na capital paulista, a concentração ocorreu em frente ao Masp, na Avenida Paulista. Na região do ABC, houve passeata logo cedo saindo da fábrica da Ford, em São Bernardo do Campo. No Rio de Janeiro, o ato ocorreu na Candelária, região central. Em Belo Horizonte, a manifestação aconteceu na Praça Sete, no centro da cidade.

Diversas reuniões, seminários, assembleias, atos e paralisações pontuais  foram registradas em diversas partes do país. Em Brasília, o ato foi realizado na Praça Zumbi dos Palmares, no Setor de Diversões Sul. Em Manaus, a concentração se deu na Praça da Polícia.

Além das capitais, outras 51 cidades das regiões metropolitanas e no interior também programaram atos contra a “reforma” da Previdência. As adesões às atividades também aconteceram por categorias.

Fonte: Comunicação COBRAPOL

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.