SINPOL-AP promove seminário sobre a Lei Orgânica. COBRAPOL e FEPOL-NORTE presentes!

O Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Amapá (SINPOL-AP) promoveu, no último dia 8 de maio, o Seminário sobre a Lei Orgânica Nacional da Polícia Civil. O evento, que ocorreu na sede da entidade, em Macapá (AP),    teve o apoio da FEPOL-NORTE e da COBRAPOL.

Na ocasião, foram ministradas duas palestras aos trabalhadores policiais civis presentes. A primeira, do presidente da FEPOL-NORTE, Itamir Alison Lima, que discorreu sobre a proposta de Lei Orgânica Nacional da Polícia Civil já apresentada pela COBRAPOL, recentemente, ao Governo Federal, através da Secretaria Nacional da Segurança Pública do Ministério da Justiça; e, a segunda, do presidente da Confederação, André Luiz Gutierrez, que abordou o Plano de Implementação da Proposta de Lei Orgânica.

O Seminário foi coordenado pela presidente da entidade, Narcisa Ardasse Monteiro, também dirigente da COBRAPOL e integrante da delegação da entidade que entregou a minuta de Lei Orgânica no Ministério da Justiça.

Itamir detalhou o projeto que tem por objetivo implantar a Carreira Única e corrigir as atuais distorções, de modo a assegurar segurança jurídica para o desempenho das atividades no âmbito da Polícia Civil e, consequentemente, melhorar a eficiência das ações de segurança pública que estão sob a responsabilidade da instituição.

Já o presidente Gutierrez explanou o plano de ação da COBRAPOL junto aos Poderes Executivo e Legislativo no sentido de aprovar o mais rapidamente possível a proposta de Lei Orgânica. “Trata-se de uma demanda não apenas da categoria, mas da própria sociedade que exige, especialmente nesse grave momento que vive o país, mais efetividade no combate a todas as modalidades de crime e na proteção do cidadão”.

O dirigente da COBRAPOL falou das “imensas dificuldades que nossos policiais enfrentam no desempenho de suas funções em razão do sucateamento da instituição e a desvalorização de nossos recursos humanos”, argumentando que “a Lei Orgânica tem o objetivo de melhorar esse ambiente de trabalho com a permanente valorização dos trabalhadores policiais”.

Durante sua estada em Macapá, o presidente da Confederação concedeu algumas entrevistas à imprensa local, entre as quais no programa Amapá Urgente, da TV Bandeirantes; e no programa Café com Notícia, da Rádio Diário FM 90.9, juntamente com dirigentes da FEPOL-NORTE e do SINPOL-AP.

 

Na foto, o presidente da COBRAPOL, André Luiz Gutierrez ladeado pela presidente do SINPOL-AP, Narcisa Monteiro, à sua esquerda,  e demais dirigentes da entidade e membros da categoria que participaram do Seminário.

 

Fonte: Comunicação COBRAPOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *