Inadimplência cresce 4,41% em 2018

O número de brasileiros com pelo menos uma conta a pagar em atraso aumentou 4,41% em 2018 em relação a 2017. São 62,6 milhões de CPFs com restrição para obter ou fazer compras a crédito.

O número representa 41% da população adulta no país.

O histórico do indicador desde 2012 é ainda mais alarmante, acumulando 27,98% de aumento da inadimplência no período.

2012 = 6,8% – 2013 = 3,7% – 2014 = 3,4%

2015 = 4,2% – 2016 = 1,4% – 2017 = 1,3% e

2018 = 4,41% ou 27,98 % acumulados.

Os dados são baseados no Indicador de Inadimplência da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil).

As dívidas de contas básicas como consumo de água e luz aumentaram 14,88% em 2018. As dívidas com cartões de crédito, cheque especial, e empréstimos aumentaram em 6,81%.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.