COBRAPOL no Ocupa Brasília

Foi muito positiva a participação da COBRAPOL no Ocupa Brasília, dia 24 de maio, contra a retirada de direitos do povo brasileiro. A manifestação reuniu mais de 150 mil trabalhadores dos setores público e privado que vieram em caravanas para Brasília dizer NÃO à Reforma da Previdência – Proposta de Emenda à Constituição PEC 287/2016.

Apesar da forte repressão da Polícia Militar que usou desde spray de pimenta, a gás lacrimogênio, bombas de efeito moral, até armas letais, para conter a manifestação que seguia pacífica do lado norte da Esplanada dos Ministérios, enquanto os “black block” estavam promovendo a depredação de prédios públicos na via sul da Esplanada, para o presidente da COBRAPOL, Jânio Bosco Gandra, os policiais e demais trabalhadores presentes na marcha deram o seu recado ao governo, deixando claro que não vão permitir a retirada de direitos.

“Mesmo a falta de preparo de alguns PM’s que, em vez de garantir a segurança e a ordem dos manifestantes, optaram por darem uma demonstração de insensatez e despreparo, e covardemente não permitiram que nos manifestássemos pacificamente. Mas resistimos ao gás, granadas e bombas! Ficamos até o fim ! Nosso país não pode ser governado por corruptos! Deus salve nossa nação!”, afirmou Gandra em comentários nas redes sociais.
Por Giselle do Valle
Fonte: Imprensa COBRAPOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *